Especial 12 de Outubro: 5 filmes para lembrar como era ser criança

Em 11.10.2016   Arquivado em CINEMA, LISTINHAS

Eu me recordo da época em que 12 de outubro era um dos meus dias favoritos no ano. E sabe por que? Porque eu ganhava lanche especial na escola- como sorvete e cachorro quente –  e, também, brinquedos.

 Na época, eu  não compreendia. Mas, hoje, eu percebo  o quão sortuda eu era por poder me permitir ser criança – não apenas no dia 12 de Outubro, mas o tempo todo, pelo menos até eu crescer. Não é todo mundo que pode viver  no seguro e inocente mundo infantil, brincar, ganhar presentes e dormir tranquilo sem se questionar sobre o que o amanhã vai trazer.

 E, daí, eu te pergunto, caro leitor: já fez, este ano, a boa ação de conceder um dia de “criança” completo aos pequenos  que, o ano inteiro, têm de bancar os adultos para poder ter uma vida mais ou menos (menos do que mais, verdade seja dita) decente? Não? Então, está esperando o que?! Vamos à luta, companheiro!

Bem, pulando essa minúscula e necessária divagação, voltemos ao assunto de hoje:  para comemorar o dia 12 Outubro, com todo o estilo, eu trouxe a indicação de cinco filmes infantis incríveis que, com certeza, vão lembrar a você os bons tempos pueris em que você era uma criança de bem com a vida.

Então, vem !    

 

 

1) “Todos nascemos, mas não nascemos os mesmos. De uma maneira ou de outra, todas as pessoas são únicas”  

Frase do filme “Matilda”.

Matilda foi um dos filmes que mais marcou minha infância! Amo muito. Para quem não sabe, o filme é baseado no livro homônimo de Roald Dahl.

2) “Querida Darla, eu detesto tudo em você. Você me faz vomitar. Você é como o chulé dos meus pés. Com amor, Alfalfa.”

Frase do filme “Os Batutinhas”.

3) “No fim, Charlie Bucket ganhou a fábrica de chocolate, mas Willy Wonka ganhou uma coisa melhor ainda,  uma família. Uma coisa era certa: a vida nunca havia sido tão doce!”    

                                                                                                  Frase do filme “A fantástica Fábrica de Chocolates”

Coloquei a refilmagem de 2005 porque gosto mais dela. Mas a versão de 1971 também é incrível! Para quem não sabe, o filme “A fantástica Fábrica de Chocolate” é baseado no livro homônimo do escritor Roald Dahl.

4)  “E.T., Phone, Home” 

Frase do filme “E.T. – O Extraterrestre”.

5)  “Salgueiro chorão, pare de chorar;

Há algo que poderá lhe consolar;

Acha que a morte para sempre os separou;

Mas em seu coração para sempre ficou.”

Frase do filme “Meu Primeiro Amor”

Impossível pensar nesse filme e não cantarolar “Well, I guess you’d say what can make me feel this way? My girl, talkin’ ’bout my girl, my girl”

Ah, sem dúvida, esses cinco filmes marcaram minha infância. E a de vocês?!

Gostaram da listinha de hoje? Conta tudo 💛 💋

4 filmes com referências da moda 90s

Em 22.08.2016   Arquivado em LISTINHAS, MODA

É claro que a minha década preferida é os anos 90! Amo tudo nela: os filmes, as músicas, os seriados e, principalmente, a moda.

Eu sempre tento colocar alguma referência noventinha nas roupas e acessórios que uso e, por isso, eu assisto a muitos filmes  e seriados que estrearam nessa época.

Com o intuito de compartilhar com vocês um pouquinho sobre a moda e o comportamento  noventa, eu trouxe quatro filmes cheios de referências! Então, vem 

   

Não tem como pensar em moda dos anos 90 e não lembrar de “Patricinhas de Beverly Hills” (Clueless). Esse filme está, com certeza, na minha listinha sobre o melhor do cinema noventa. Ele traz muita informação sobre os estilos College, Preppy, Girlie e Grunge.

É muito xadrez, muita saia (evasê ou rodada) e muita meia 7/8. Cher (a protagonista) é, sem dúvida,  um dos ícones fashion mais amados por mim 

O filme virou referência de moda noventa. É muito comum você encontrar na internet fotos de meninas usando releituras dos looks que aparecem em “Patricinhas de BH”.

(Se liga nos sapatos boneca de salto grosso )

 

 

O filme “Jovens Bruxas” (The Craft) é outro filme amado por muita gente até hoje.  O senso de estilo de cada personagem ainda é assunto entre as fashionistas e blogueiras de plantão.

“Jovens Bruxas” traz referências de cinco estilos que apareceram bastante na moda noventa: o gótico, o punk, o grunge, o college e o hippie.

As cinco personagens possuem personalidades muito distintas e isso reflete na forma como cada uma se veste.

Nancy é a mais sombria, rebelde e psicótica do grupo. Ela tem sede de poder e não se importa de mostrar essa sua faceta para o mundo. Por isso, as suas roupas são de um gótico e punk extremos. Ela não abre mão, em nenhuma cena do filme, do preto e dos acessórios em forma de Cruz. Acho que a única blusa branca que ela tem é a do uniforme, rs. O batom preto ou vermelho contornado com lápis preto estão sempre presentes, também.

Bonnie, apesar de ser uma entusiasta em bruxaria, não tem a mesma sede de poder que Nancy. Aliás, ela e Rochelle são paus mandados. Desde que consigam aquilo que querem,  são fiéis à líder do grupo (ora, Nancy, ora Sarah). No início, Bonnie tem vergonha do seu corpo marcado por cicatrizes e, por isso, as suas roupas são meio esquisitas e largas. Assim que ela consegue se livrar das cicatrizes, aquele desejo de se provar  vem à tona. Por isso, suas roupas começam a ser mais justas e sexys, com direito à camisas coladas, saias curtas e jaquetas de couro.

Rochelle é, na minha opinião, a mais conectada à natureza. Acho que ela tinha tudo para ser uma pessoa boa- muito mais do que Nancy e Bonnie, aliás.

Ela sofre preconceito por ser negra e é  intimidada, o tempo todo, pela queen B do colégio. No desejo de vingança, ela mete os pés pelas mãos. Mas sofre com isso, sente remorso. Acho que ela poderia ser salva, no final. E as suas roupas refletem exatamente isso: possuem uma pegada mais hippie. Ela mistura acessórios góticos e  punks com roupas hippie. O estilo de uma verdadeira Wicca.

Sarah, no início do filme, aparece em cores super neutras (o vestido claro e listrado). Mas, no meio do filme, ela já está com um cabelo mais rebelde e estiloso. Começa a usar delineador e roupas mais marcantes, mas sem deixar de lado as cores claras. Ela está sempre com um visual iluminado, o que faz muito sentido porque ela permanece bondosa e autêntica.

Da esquerda para a direita: Nancy, Rochelle, Sarah e Bonnie

 O filme “Viva! A babá morreu” (Don’t Tell Mom the Babysitter’s Dead) é um filme pouco conhecido. Uma pena! Porque, apesar do nome tosco, ele é super divertido de assistir e traz muita informação de moda, mas muita mesmo.

Sue Crandell, a protagonista a quem Christina Applegate dá a vida, é apaixonada por moda. Por isso, quando ela precisa desesperadamente de dinheiro, ela falsifica um currículo e se passa por uma mulher de 28 anos (embora seja apenas uma adolescente!) para conseguir um emprego em uma fábrica de roupas.

Os looks que Sue usa são incríveis! Como  filme é de 1991, início da década de 90, você vai encontrar, além da moda noventa, um resquício de moda dos anos 80.

A Christina Applegate é linda demais! E, sério, eu me apaixonei por todas as roupas e acessórios que ela usa. Aposto que você vai amar também! Vale muito a pena ver esse filme se você é apaixonada, como eu, pelos anos 90 (e 80 também).

Ai, ai, comentar sobre esse filme deu até aquela nostalgia… preciso revê-lo logo.

Quem mais se apaixonou por esse colar com pingente em formato de chave?! E esse óculos super retrô?!

E essa blusa amarela com ombreiras?!  E esses broxes de lagartixa (ECA!) ?  Super 80s

Os anos 90, o jeans e as estampas …

Siga o exemplo da Sue! Para um primeiro encontro lacrador: aposte em uma roupa que deixe seus ombros à mostra!

 

E, por fim, chegamos a um dos meus filmes preferidos: “Uma linda Mulher” (Pretty Woman). Já perdi a conta das vezes que o vi.O filme é lindo, tem uma história encantadora e um romance que chega a dar frio na barriga. A química entre Richard Gere e Julia Roberts é única. E, é claro, é um filme que tem muita moda noventa.  Quem não ama aquela cena em que Vivian passeia na Rodeo Drive, a rua com as lojas de roupa mais chiques de Los Angeles, ao som da música “Pretty Woman” ?!

Igual ao filme anterior, este é do início dos anos 90. Por isso, é normal você encontrar resquício de moda oitenta também.

Página 3 de 3123