Especial PLL: a evolução de estilo da Aria

Em 08.09.2016   Arquivado em CINEMA, MODA

 

Para quem ainda não sabe, PLL ganhou, na semana passada, uma data de encerramento. Sim, senhores! Nós estaremos, em breve, nos despedindo das nossas liars favoritas. A sétima temporada está em hiatus e voltará em abril com os últimos 10 episódios de série! 🙁

E é claro que, em razão disso, eu não podia deixar de fazer um post especial sobre esse seriado que, por tanto tempo, foi tão especial para mim. Ainda lembro como era dormir – após assistir o episódio da semana- quebrando a cabeça para descobrir quem era o tal -A.

Em PLL, uma das coisas que mais me chamaram a atenção, desde o primeiro episódio, foi o estilo das personagens. Tudo que elas usavam refletia demais na personalidade e comportamento de cada uma. Simplesmente, fiquei apaixonada pelo maravilhoso trabalho do pessoal que cuida do figurino! Admito que nunca me senti tão impressionada- em nenhuma outra série, mesmo- com esse trabalho de adaptar estilo à personalidade.  E olha que isso é quase que uma falácia em um mundo com séries como Gossip Girl, por exemplo, em que as roupas e acessórios são deslumbrantes.

Por isso, nada mais justo do que comentar, nesse especial PLL, sobre a evolução de estilo de cada uma das personagens ao longo da série.

Hoje, vamos começar falando sobre a Aria Montgomery. Mas, nas próximas semanas,  falaremos das outras personagens também!  Vai ser uma ótima oportunidade para relembrarmos como eram as meninas desde a 1ª temporada. Então, vem!

 

 

1ª temporada: Na primeira temporada, nós estamos tendo o nosso primeiríssimo contato com as personagens. Aria é a mais diferente do grupo. Apaixonada por arte, literatura e um estilo de vida mais boêmio, ela preza pela originalidade e criatividade.  E é claro que Aria busca imprimir tudo isso no seu estilo, que é super exótico e segue uma linha mais Boho/Rocker/Vintage (para saber quais são esses estilos, clique aqui).

As roupas, na primeira temporada, têm sempre um tom mais escuro. Ela usa muito preto, marrom, verde musgo, vinho e vermelho.

Outra coisa que define muito o estilo de Aria são as estampas. Aliás, o combo vestido estampado  (justo ou acinturado) + jaqueta de couro + bota é o que mais aparece nas produções da nossa #Liar.

As botinhas da Aria também variam muito de look para look (cano alto, de cano médio, coturno e biker), mas ela está sempre usando uma.  Da mesma forma, os cintos (especialmente aqueles grandões) estão sempre presentes!

O make dela também é mais carregado: as sombras em tons escuros e terrosos e o batom mais clarinho.

Os acessórios da Aria têm um papel muito importante no visual dela. Ela adora maxi brincos e maxi colares. E os seus brincos e colares têm quase sempre um formato super inusitado e criativo, por exemplo: o colar em formato de aranha; os brincos em formato de garfo ou e de raio. Enfim, Aria é isso mesmo: original, inusitada e criativa!

Olha só, na primeira foto, esse brinco (sim, isso é um brinco!)  gigantesco!

Apaixonada pelo  visual – meio TomBoy com uma pitada de anos 70  –  que aparece nessa foto *-*

2ª temporada:    Aqui, o estilo da nossa #Liar já dá uma amadurecida. Ela se afasta um pouco daquelas produções mais menininhas- em que os vestidos rodadinhos eram a regra- e aposta em looks com ainda mais atitude.  O estilo rocker e o boho não saem do seu visual diário. As botas e as estampas também continuam presentes. Porém, é o vintage e o retrô que começam a aparecer com mais força.

Na segunda temporada, nós enxergamos uma  Aria mais segura de si e, também, um pouquinho mais madura. E é claro que o estilo dela acompanha tudo isso, trazendo um look sexy e, ao mesmo tempo, mais elegante.

 

 

Olha aí o colar de aranha de que eu falei lá em cima…

3ª temporada:  Na terceira temporada, quase não dá mais para enxergar aquela menininha do começo da série. A personagem e o seu visual mudaram muito. Parece que a adolescência, enfim, está dando adeus à nossa #Liar, que aparece com  um visual mais adulto e maduro. Mas calma lá! A essência do estilo dela continuou a mesma: botinhas, estampas, acessórios exóticos e roupas criativas. Porém, tudo foi repaginado.  Até o cabelo da Aria muda um pouco: fica mais curto, abaixo dos ombros, também com um ar  adulto.

Nessa temporada, acho que o que mais chama a atenção são os mix de estampas. Se vocês assistirem de novo aos episódios, perceberão que, na maioria deles, a Aria está com um mix  incrível. E, confesso, não sou muito fã de misturar estampas, mas até eu  usaria as produções da personagem.

 

4ª temporada: Na minha opinião, não houve tantas mudanças no estilo da Aria da terceira para a quarta temporada. O visual dela continua naquela vibe mais adulta. Estampas, botinhas, roupas com acabamento retrô, o estilo Rocker e Boho, muita criatividade, tudo continua presente.

As cores escuras continuam também, mas não da forma pesada de antes. Tudo fica mais leve, mais divertido (como o vestido com estampas de quadrinhos) e sexy (como o vestido preto à direita).

 

 

 

 

5ª temporada:  Acho que a quinta temporada foi muito importante para o desenrolar da série. Uma personagem importante volta e a vida das meninas muda automaticamente. Elas passam por poucas e boas no reinado da nossa  Big -A.  E o figurino quis acompanhar isso também. Enxergamos um visual ainda mais maduro na nossa Aria. A #Liar  continua criativa na hora de se vestir, mas sem exageros.  Mix de estampas, visual retrô, rocker e o Boho continuam a aparecer. Mas de uma forma menos forçada e, ainda assim, nada óbvia. As roupas e acessórios estão lindos  nessa temporada!

O cabelo da personagem também mudou um pouco. Ele aparece com um leve Ombré puxadinho para o dourado.

 

 

6ª e 7ª temporada: Algo acontece com as nossas #Liars no final da quinta temporada. Algo que elas vão levar para sempre com elas. E é normal, depois de um trauma, a gente querer mudar. Na aparência e um pouco na personalidade. A gente quer se tornar mais forte, simplesmente. E isso, é claro, transparece na forma como nos vestimos e agimos.

A Aria muda bastante na transição da quinta para a sexta e sétima temporadas. Ela diz adeus ao cabelão que a acompanhou nos cinco anos anteriores e se torna mais madura e pronta para a vida adulta.

No meio da sexta temporada, a série dá um pulo de cinco anos. Um pouco mais velhas, as meninas agora vivem uma vida cheia de responsabilidades.  E o estilo de Aria demonstra justamente essa flexibilidade Trabalho – Happy Hour. Nós enxergamos não mais uma menina, mas uma mulher. Embora muitos elementos que caracterizavam o estilo dela tenham permanecido, algumas coisas ficaram para trás. A gente não percebe quase nada daquelas roupas e acessórios rocker da 1ª, 2ª e 3ª temporadas. 

Apesar de ainda vermos as estampas,  as roupas retrô, as saias e vestidos acinturados, as jaquetas de couro, o estilo boho e até mesmo botas (sorry, a maioria das fotos que eu achei não apareciam os sapatos, mas ela ainda usa  botas),  a nossa #Liar está muito mais elegante. Ela consegue usar roupas mais formais de um jeito super criativo e divertido!

Bem, como eu já disse, a Aria é isso mesmo: original, inusitada e criativa!

 

 

 

 

Sobre os episódios especiais de Halloween e as fantasias da Aria: A partir da 2ª temporada, PLL começou uma tradição que durou até a 5ª temporada: fazer especiais no episódio número 13 . Da segunda à quarta temporada, os especiais são referentes à temática do Halloween. Na quinta temporada, o especial foi referente ao natal.

No 2×13, a Aria se fantasia de Mortícia Addams. No 3×13, ela se fantasia de Daisy Buchanan (personagem do livro The Great Gatsby).  No 4×13, a ocasião não é propriamente o Halloween, mas tem tudo a ver com ele. Neste episódio, as meninas vão a uma festa do dia dos fundadores na cidade de Ravenswood (uma cidadezinha pequena e sombria). A festa acontece no cemitério da cidade (por isso, claro, tem todo aquele clima de Halloween). As meninas vão fantasiadas com roupas de época, num estilo meio gótico que super combina com a cidade! A roupa que a Aria usa é toda em preto e rosa.

Todas essas fantasia são cara da Aria! Tem tudo a ver com o estilo dela no decorrer das temporadas, vocês não acham?

 

Sobre os vestidos de baile da Aria:

Da esquerda para a direita,

Foto 1:  Estamos falando aqui do baile de formatura das meninas, que acontece no episódio 6×9, “Last Dance”.  O vestido da Aria é simplesmente divino. Numa vibe super vintage, ele é azul, em duas peças ( cropped + saia) e lembra muito, segundo a própria atriz Lucy Hale, o vestido da princesa Branca de Neve no filme da Disney.

Foto 2: Estamos falando aqui do baile de máscaras, que acontece no episódio 2×25, “unmAsked”. O vestido foi inspirado na personagem do cisne negro.

Foto 3: Estamos falando aqui do “Ice Ball” (baile de gelo, em tradução literal), que aconteceu no episódio  de natal, 5×13, chamado “How the ‘A’ Stole Christmas”.

Foto 4:  estamos falando aqui do “baile de mentirinha” que acontece no episódio 6×1, chamado “Game On, Charles”.

 

 

 

 E essa foi a evolução de estilo da nossa #Liar.

Eu, simplesmente, adoro o estilo da Aria! Acho que ela tem uma personalidade forte e sabe mostrar muito bem isso na hora de se vestir. Não vejo ela como alguém que segue tendências o tempo todo, mas como como alguém que sabe adaptar o melhor da moda ao seu estilo, ainda que às vezes o seu visual seja exótico demais.

Vocês também gostam do estilo dela? Acharam que ele evoluiu bastante no decorrer das temporadas? Conta tudo ❤️

E fiquem ligados por aqui, porque, em breve, eu farei post sobre o estilo das outras meninas também! 💋

 

 

 

 

 

 

4 filmes com referências da moda 90s

Em 22.08.2016   Arquivado em LISTINHAS, MODA

É claro que a minha década preferida é os anos 90! Amo tudo nela: os filmes, as músicas, os seriados e, principalmente, a moda.

Eu sempre tento colocar alguma referência noventinha nas roupas e acessórios que uso e, por isso, eu assisto a muitos filmes  e seriados que estrearam nessa época.

Com o intuito de compartilhar com vocês um pouquinho sobre a moda e o comportamento  noventa, eu trouxe quatro filmes cheios de referências! Então, vem 

   

Não tem como pensar em moda dos anos 90 e não lembrar de “Patricinhas de Beverly Hills” (Clueless). Esse filme está, com certeza, na minha listinha sobre o melhor do cinema noventa. Ele traz muita informação sobre os estilos College, Preppy, Girlie e Grunge.

É muito xadrez, muita saia (evasê ou rodada) e muita meia 7/8. Cher (a protagonista) é, sem dúvida,  um dos ícones fashion mais amados por mim 

O filme virou referência de moda noventa. É muito comum você encontrar na internet fotos de meninas usando releituras dos looks que aparecem em “Patricinhas de BH”.

(Se liga nos sapatos boneca de salto grosso )

 

 

O filme “Jovens Bruxas” (The Craft) é outro filme amado por muita gente até hoje.  O senso de estilo de cada personagem ainda é assunto entre as fashionistas e blogueiras de plantão.

“Jovens Bruxas” traz referências de cinco estilos que apareceram bastante na moda noventa: o gótico, o punk, o grunge, o college e o hippie.

As cinco personagens possuem personalidades muito distintas e isso reflete na forma como cada uma se veste.

Nancy é a mais sombria, rebelde e psicótica do grupo. Ela tem sede de poder e não se importa de mostrar essa sua faceta para o mundo. Por isso, as suas roupas são de um gótico e punk extremos. Ela não abre mão, em nenhuma cena do filme, do preto e dos acessórios em forma de Cruz. Acho que a única blusa branca que ela tem é a do uniforme, rs. O batom preto ou vermelho contornado com lápis preto estão sempre presentes, também.

Bonnie, apesar de ser uma entusiasta em bruxaria, não tem a mesma sede de poder que Nancy. Aliás, ela e Rochelle são paus mandados. Desde que consigam aquilo que querem,  são fiéis à líder do grupo (ora, Nancy, ora Sarah). No início, Bonnie tem vergonha do seu corpo marcado por cicatrizes e, por isso, as suas roupas são meio esquisitas e largas. Assim que ela consegue se livrar das cicatrizes, aquele desejo de se provar  vem à tona. Por isso, suas roupas começam a ser mais justas e sexys, com direito à camisas coladas, saias curtas e jaquetas de couro.

Rochelle é, na minha opinião, a mais conectada à natureza. Acho que ela tinha tudo para ser uma pessoa boa- muito mais do que Nancy e Bonnie, aliás.

Ela sofre preconceito por ser negra e é  intimidada, o tempo todo, pela queen B do colégio. No desejo de vingança, ela mete os pés pelas mãos. Mas sofre com isso, sente remorso. Acho que ela poderia ser salva, no final. E as suas roupas refletem exatamente isso: possuem uma pegada mais hippie. Ela mistura acessórios góticos e  punks com roupas hippie. O estilo de uma verdadeira Wicca.

Sarah, no início do filme, aparece em cores super neutras (o vestido claro e listrado). Mas, no meio do filme, ela já está com um cabelo mais rebelde e estiloso. Começa a usar delineador e roupas mais marcantes, mas sem deixar de lado as cores claras. Ela está sempre com um visual iluminado, o que faz muito sentido porque ela permanece bondosa e autêntica.

Da esquerda para a direita: Nancy, Rochelle, Sarah e Bonnie

 O filme “Viva! A babá morreu” (Don’t Tell Mom the Babysitter’s Dead) é um filme pouco conhecido. Uma pena! Porque, apesar do nome tosco, ele é super divertido de assistir e traz muita informação de moda, mas muita mesmo.

Sue Crandell, a protagonista a quem Christina Applegate dá a vida, é apaixonada por moda. Por isso, quando ela precisa desesperadamente de dinheiro, ela falsifica um currículo e se passa por uma mulher de 28 anos (embora seja apenas uma adolescente!) para conseguir um emprego em uma fábrica de roupas.

Os looks que Sue usa são incríveis! Como  filme é de 1991, início da década de 90, você vai encontrar, além da moda noventa, um resquício de moda dos anos 80.

A Christina Applegate é linda demais! E, sério, eu me apaixonei por todas as roupas e acessórios que ela usa. Aposto que você vai amar também! Vale muito a pena ver esse filme se você é apaixonada, como eu, pelos anos 90 (e 80 também).

Ai, ai, comentar sobre esse filme deu até aquela nostalgia… preciso revê-lo logo.

Quem mais se apaixonou por esse colar com pingente em formato de chave?! E esse óculos super retrô?!

E essa blusa amarela com ombreiras?!  E esses broxes de lagartixa (ECA!) ?  Super 80s

Os anos 90, o jeans e as estampas …

Siga o exemplo da Sue! Para um primeiro encontro lacrador: aposte em uma roupa que deixe seus ombros à mostra!

 

E, por fim, chegamos a um dos meus filmes preferidos: “Uma linda Mulher” (Pretty Woman). Já perdi a conta das vezes que o vi.O filme é lindo, tem uma história encantadora e um romance que chega a dar frio na barriga. A química entre Richard Gere e Julia Roberts é única. E, é claro, é um filme que tem muita moda noventa.  Quem não ama aquela cena em que Vivian passeia na Rodeo Drive, a rua com as lojas de roupa mais chiques de Los Angeles, ao som da música “Pretty Woman” ?!

Igual ao filme anterior, este é do início dos anos 90. Por isso, é normal você encontrar resquício de moda oitenta também.